Publicidade   
   Publicidade   

A expectativa era enorme. A Selecção AFP, orientada por Mário Claudino, André Alfaia e Marco Fura, preparou com afinco esta fase zonal do Torneio Interassociações Sub-17 de Futebol Feminino, consciente de que ia enfrentar duas grandes equipas, uma delas a vencedora da competição no ano transacto, a Associação de Futebol de Lisboa.

   Publicidade   
   Publicidade   

E foi perante o olhar atento da turma lisboeta que, ao final da tarde de sexta-feira, a AF Portalegre e AF Évora entraram no Estádio Municipal Cândido de Oliveira, em Fronteira, que acolheu os dois primeiros jogos da competição. Com o público a apoiar, Portalegre chegou à vantagem por intermédio das jovens Catarina Almeida e Maria Inês Ramiro, e foi para o intervalo a vencer por duas bolas a zero. No segundo tempo, e apesar da pressão de Évora, que chegou a reduzir a desvantagem, Portalegre foi competente a defender e segurou a vitória. Resultado final: AF Portalegre 2 – 1 AF Évora.

Seguiu-se o jogo contra Lisboa, uma Selecção com muita qualidade, constituída por várias jogadoras do SL Benfica e Sporting CP. Portalegre procurou defender o melhor possível e ainda ameaçou a baliza lisboeta, mas acabou por sofrer quatro golos sem resposta, num jogo marcado por uma excelente exibição da guarda-redes da Selecção de Portalegre, Isabel Velez. Resultado final: AF Portalegre 0 – 4 AF Lisboa.

Com este jogo, Portalegre despediu-se no sábado desta fase do Torneio Interassociações, uma competição em que conheceu o sabor da vitória e da derrota, marcou dois golos e sofreu cinco. Alinharam pela nossa Selecção as jovens Raquel Tarouco (O Elvas CAD), Carolina Clemente, Isabel Velez e Sofia Madeira (AC Fronteirense), Inês Peixe, Madalena Pintão e Margarida Lopes (CD Portalegrense), Andreia Adolfo, Daniela Caseiro e Natacha Correia (CF Os Elvenses), Mariana Paixão (CPT São Cristóvão), Maria Beatriz Matos (Eléctrico FC), Maria Inês Ramiro (FC Crato) e Catarina Almeida (SC Estrela).

No último jogo da competição, as Selecções de Évora e Lisboa enfrentaram-se, no domingo, no Estádio Municipal Dinis Serrano, em Monforte. Lisboa dominou novamente o jogo e repetiu o resultado do confronto com Portalegre, comprovando a sua superioridade e o seu estatuto de favorita. Resultado final: AF Évora 0 – 4 AF Lisboa.

No final da competição, o treinador da Selecção AFP, Mário Claudino, fez um balanço “extremamente positivo” da nossa participação.

“Conquistámos a primeira vitória de sempre de uma equipa feminina num Torneio Interassociações no tempo regulamentar e um bom desempenho global num jogo de cariz dificílimo”, afirma, destacando ainda que a organização defensiva trabalhada nos treinos “foi visível nos dois jogos” e que o espírito de grupo “foi saudável ao longo de toda a concentração”. Fica também a promessa de que, no futuro, a Selecção irá “procurar melhorar alguns aspectos”, principalmente “na construção de situações de finalização”.

Na sequência desta prestação no Torneio Interassociações, a AFP felicita a Selecção pela bravura, carácter e talento revelados dentro e fora de campo, bem como a equipa técnica pelo trabalho realizado junto das nossas guerreiras, que nos encheram de orgulho pela forma como dignificaram o futebol feminino no distrito de Portalegre. Um reconhecimento também para os Municípios de Fronteira e Monforte, o Atlético Clube Fronteirense e o Futebol Clube Monfortense pelo apoio, disponibilidade e dedicação demonstrados ao abraçar esta grande organização.