protocolo SCMAC x Município de Alter do Chão
   Publicidade   
   Publicidade   

Num projecto candidatado ao Programa Operacional Regional do Alentejo, com um valor global que ronda um milhão e duzentos mil euros, permitirá a ampliação, requalificação e modernização da Unidade de Cuidados Continuados no concelho de Alter do Chão.

   Publicidade   
   Publicidade   

Com a assinatura deste protocolo, Francisco Reis assinala que, o Município de Alter do Chão reforça assim o seu apoio à Saúde e Economia Social não só do concelho, como do distrito, que em parceria com a Santa Casa da Misericórdia, permitirão a ampliação do espaço, que actualmente conta com várias dezenas de utentes oriundos de vários locais do Alentejo.

O protocolo estabelece a disponibilização por parte do Município, do seu corpo técnico e apoio financeiro (comparticipação de 50% dos custos não elegíveis até um limite pré-definido).

A Santa Casa da Misericórdia apresenta neste momento várias respostas sociais, serve actualmente perto de 200 utentes, desde a área infantil até à terceira idade e vê nesta candidatura e protocolo assinado, a oportunidade de executar um projecto que irá melhorar a qualidade dos serviços prestados aos utentes, às suas famílias e aumentar a taxa de resposta face às solicitações de ingresso na Unidade de Cuidados Continuados.