Publicidade   
   Publicidade   
   Publicidade   

Envergando as cores do Clube Elvense de Natação (CEN) e o dorsal 658, Raquel Trabuco correu este domingo, 9 de Março, a VIII Meia Maratona de Mérida Património da Humanidade e repetiu a vitória nesta mítica prova onde participaram perto de 1.300 atletas.

   Pub 
   Pub 
   Pub 
   Pub 

O percurso que se apresentou semelhante ao da anterior edição, mas “muito duro” como a atleta elvense o classificou, teve o seu ponto de partida na Avenida de La Libertad, com chegada na Praça de Espanha, passando pela Ponte Lusitânia, o conjunto arqueológico de Morerías, a Ponte Romana, o Circo Romano, a Alcazaba ou o Templo de Diana entre outros.

Raquel Trabuco gastou 1:22 horas para entrar na Praça de España, passar triunfal pela Concatedral de Santa Maria (do século XIII), e superar a concorrência cumprindo este percurso totalmente citadino.

Raquel Trabuco vence meia maratona de Mérida

[spacer style=”3″]