Colectânea EuroBEC - Apresentação
   Publicidade   
   Publicidade   

No último sábado, 14 de Setembro, o Pavilhão Multiusos de Santa Eulália, o concelho de Elvas, encheu para assistir à apresentação da nova Colectânea da Eurocidade Badajoz-Elvas-Campo Maior, onde estão reunidos 69 autores das diferentes áreas da cultura local.

   Pub 
   Pub 
   Pub 

Idealizada por Graça Foles Amiguinho, a Colectânea Literária da EuroBEC integra nesta sua versão bilingue, sugerida pelo Presidente da ARKUS, Carlos Beirão, um leque alargado de autores que abrangem a poesia e prosa, a pintura e a fotografia.

Colectânea EuroBEC - Apresentação
O Fado e o Flamenco “de mãos dadas” e pela voz de Jorge Goes

Também a música esteve incluída num evento de largo espectro artístico com actuações de Berta Miranda, que cantou poemas de vários autores e também Jorge Goes que brindou o vasto auditório com músicas do seu mais recente trabalho “Fado Velho Fado Novo” e juntou-lhe o Flamenco para gáudio de quantos enchiam o Pavilhão. “Maria La Portuguesa” foi sem dúvida o expoente máximo numa actuação sem mácula.

A ARKUS abraçou este projecto coreografando alguns poemas “dinamizando a Associação”, como referiu Carlos Beirão. O Presidente da ARKUS diz ser esta a forma para que a sua Associação progrida e se “transforme e se torne mais poli-facetada”

Colectânea EuroBEC - ApresentaçãoJosé Passarinho deu o seu testemunho referindo que contribuiu com três poemas juntamente com outros autores por “sermos um conjunto de pessoas que gostamos de poesia, e outros de prosa”. No seu entender, a cultura “no nosso Concelho não está muito bem vista, pelo menos não é muito apoiada” e estes autores tentam desta forma “fazer alguma coisa por isso”, disse José Passarinho.

Outro dos autores que colaboram nesta Colectânea é Rosinda Santa, uma das autores que participa com trabalhos de pintura, “pequena participação” salientando que esta “é a maneira de darmos a conhecer os nossos trabalhos de amador […] sem ajudas de ninguém mas com todo o gosto”.

Colectânea EuroBEC - Apresentação-Graça-Amiguinho
Graça Foles Amiguinho, impulsionadora da Colectânea Literária EuroBEC

Por sua vez Graça Amiguinho deixou clara a vontade dos autores que “depois de um trabalho feito com sucesso […] com dimensão mais alargada”. Esta colectânea “reúne artistas e escritores de três cidades, com uma animação muito boa”. Graça refere que esta colectânea permite a muita gente “mostrar o seu valor”. Esta é uma “forma de enaltecer a cultura, a arte, o gosto de escrever, de dizer e divulgar a beleza dos nossos lugares, as tradições”.

No final Graça Amiguinho desabafou salientando “quando se trabalha sem ser por dinheiro é muito fácil” e deixou um lamento: “É pena que hoje aqui não esteja ninguém do pelouro da Cultura de Elvas”.

A Vereadora Vitória Branco, responsável pelo pelouro da Cultura no Município de Elvas, contactada pelo Portal Elvasnews, referiu não ter recebido nenhum convite para este evento. A Vereadora afirmou que esteve “de férias quinta e sexta-feira, no sábado fui para Portalegre participar no comício do Partido Socialista com a presença de António Costa e não recebi nenhum convite”, disse.