Universidade de Évora
   Publicidade   
   Publicidade   
   Publicidade   

Este trabalho surge no âmbito de uma pesquisa da investigadora Alessandra Machado (Universidade Vila Velha, Espírito Santo, Brasil), actualmente em pós-doutoramento na Universidade de Évora, em colaboração com Elsa Lamy, Fernando Capela e Silva e Cristina Pinheiro, investigadores do MED da Universidade de Évora.

   Pub 
   Pub 
   Pub 
   Pub 
   Pub 

O estudo está a ser realizado através de um inquérito disponibilizado online, a ser respondido por adultos residentes em Portugal que tenham recuperado de Covid-19. Para além dos seus mais diversos sintomas considerados característicos, como febre, tosse, dor no corpo, cansaço, dor de cabeça e tantos outros, o inquérito inclui questões acerca dos possíveis sinais e sintomas relacionados com a alimentação, designadamente dificuldades em sentir gostos e cheiros, engasgos e sensação de boca seca.

Os interessados em colaborar com este estudo, desde que tenham recuperado da Covid-19, podem responder ao inquérito online, mesmo a partir do telemóvel, neste link; esperando-se ainda que possam partilhar este link com os seus contactos para alargar o alcance do estudo, contribuindo, assim, para aumentar o conhecimento sobre um tema tão necessário em tempos de pandemia.