I Assembleia Municipal Infantil
   Publicidade   
   Publicidade   

Mais de duas dezenas de crianças, dos três agrupamentos de escolas do concelho e do Colégio Luso-Britânico, participaram hoje, dia 20, na I Assembleia Municipal Infantil de Elvas, uma iniciativa que pretendia assinalar os 30 anos da adopção, pela Assembleia Geral das Nações Unidas, da Convenção dos Direitos da Criança, a 20 de Novembro de 1989.

   Pub 
   Pub 
   Pub 

A iniciativa contou com 22 “deputados” de palmo e meio, tendo o presidente da Câmara Municipal de Elvas desempenhado o papel de presidente da Assembleia Municipal, onde explicou o funcionamento deste órgão deliberativo e como se realiza uma primeira reunião, com a tomada de posse dos seus membros.

I Assembleia Municipal InfantilNeste âmbito, estavam presentes as directoras dos Agrupamentos de Escolas nºs 1, 2 e 3 de Elvas e do Colégio Luso-Britânico, a representante da Segurança Social, representantes da GNR e PSP, da Unidade Local de Saúde do Norte Alentejano e a responsável pela Comissão de Protecção de Crianças e Jovens (CPCJ) de Elvas.

Ao longo de cerca de duas horas, foram debatidos os vários pontos da ordem do dia e que incluíam propostas nas áreas da educação, ambiente, cidadania, igualdade, saúde e segurança, entre outros, tendo todas sido aprovados por unanimidade dos presentes.

Recorde-se que a Convenção dos Direitos da Criança assenta em quatro pilares fundamentais: a não discriminação, o interesse superior da criança, a sobrevivência e desenvolvimento e a opinião da criança.I Assembleia Municipal Infantil