Elvas: Amanhã há Feriado Municipal para assinalar a célebre Batalha das Linhas de Elvas

Cerimónia Militar e Militarizada. Praça da República
   Pub   
   Pub   
   Pub   

Os 357 anos da Batalha das Linhas de Elvas vão ser evocados já amanhã, quinta-feira, 14 de Janeiro, – Feriado Municipal – com várias iniciativas ao longo de todo o dia, numa organização do Município com o apoio da Direcção de História e Cultura Militar do Exército português.

No Feriado Municipal as cerimónias têm início logo pelas 09h30 com o hastear das bandeiras e a presença da Banda 14 de Janeiro, nos Paços do Concelho. Meia hora depois decorre no Padrão comemorativo da Batalha das Linhas de Elvas, no Sítio dos Murtais, a cerimónia de Homenagem aos Mortos, seguindo-se ainda a romagem ao túmulo do General André de Albuquerque Riba-Fria, no Convento de São Francisco.

Padrão Comemorativo da Batalha das Linhas de Elvas - Sítio dos Murtais
Padrão Comemorativo da Batalha das Linhas de Elvas – Sítio dos Murtais

O ponto alto das comemorações acontece, pelas 11 horas, com as cerimónias militares e militarizadas, com por um oficial do Exército e pelo presidente da Câmara Municipal de Elvas, Nuno Mocinha, precedidas pelo desfile das forças em parada, na Rua da Cadeia.

 Pub 
 Pub 
 Pub 

Pelas 18 horas, realiza-se na Sé Catedral o Solene Te Deum de Acção de Graças, com a presença do Coral Públia Hortênsia de Castro e do Coro Beato Aleixo Delgado. O programa deste dia encerra com o concerto da Orquestra Ligeira do Exército, a partir das 21h30, no Cineteatro Municipal.

Já esta quarta-feira e a anteceder as comemorações decorre a apresentação, no Auditório São Mateus, do documentário de curta-metragem relativo à evolução das obras de reabilitação no Forte da Graça, do diaporama sobre sketching «Romeiros de Vila Boim no São Mateus – desenhando uma tradição» e do Ciclo de Cinema de Guerra na raia.