Auditório São Mateus, Elvas
   Publicidade   
   Publicidade   

A Assembleia Municipal de Elvas aprovou o Inventário e Documento de Prestação de Contas do Ano Económico de 2020, na sessão ordinária que decorreu no Auditório São Mateus, na manhã de 11 de Junho. A decisão foi tomada por maioria: 15 votos a favor, cinco abstenções e dois votos contra.

   Pub 
   Pub 
   Pub 
   Pub 
   Pub 
   Pub 
   Pub 

Na mesma sessão, as atas das reuniões de 26 de Fevereiro e 22 de Abril foram aprovadas por unanimidade; o mesmo aconteceu com a prorrogação da suspensão de mandato de Gaspar Magarreiro, enquanto elemento da Assembleia Municipal; com a admissão do Município de Elvas na Federação Portuguesa dos Caminhos de Santiago; e com a proposta de homenagem ao cavaleiro tauromáquico elvense Joaquim Bastinhas.

A II Revisão Orçamental foi aprovada por maioria (20 votos a favor, uma abstenção e dois votos contra); o Despacho nº 10.755/2021, que envolve a comparticipação do Município de Elvas no projecto de reabilitação do edifício-sede da Comunidade Intermunicipal do Alto Alentejo, em Portalegre, foi aprovado por unanimidade.

Igualmente por unanimidade, foi aprovado um Voto de Congratulação, apresentado pelos eleitos do Partido Socialista, sobre o vídeo-postal do Forte da Graça; o facto de Elvas ser um dos municípios que representam Portugal num projecto-piloto de âmbito internacional conferido pela UNESCO; o lugar do Município de Elvas no Índice da Transparência; e a inauguração do Museu de Arqueologia e Etnografia de Elvas António Tomás Pires.