Empreitada-da-Residência-de-Estudantes-arrancou-hoje
   Publicidade   
   Publicidade   

A assinatura do auto de consignação da empreitada de adaptação do antigo Lagar dos Lopes a Residência de Estudantes realizou-se na manhã desta segunda-feira no salão nobre dos Paços do Concelho.

   Pub 
   Pub 
   Pub 
   Pub 
   Pub 
   Pub 
   Pub 
   Pub 

Neste acto, para além do presidente da Câmara Municipal de Elvas, Nuno Mocinha, e do responsável da empresa, marcaram presença o presidente do Instituto Politécnico de Portalegre, Albano Silva, e o director da Escola Superior Agrária de Elvas, José Rato Nunes.

Este é um investimento aproximado de quatro milhões de euros, com prazo de execução de 24 meses, uma obra que vai constar de várias fases e que se inicia hoje.

A obra consta da adaptação do conjunto de edifícios onde funcionou o antigo Lagar dos Lopes a Residência de Estudantes, na Rua Mouzinho de Albuquerque, perto do Largo de São Domingos, em Elvas.

Segundo o projecto, a residência vai ser constituída por quartos individuais, quartos duplos e estúdios, com um total de 81 camas; salas de estudo e de convívio; refeitório e cozinha; lavandaria; e logradouros.

Com este equipamento, o Município de Elvas vai aumentar a oferta existente na cidade para acolher os estudantes do ensino superior, concretamente da Escola Superior Agrária de Elvas. Por outro lado, com o aumento do número de estudantes do ensino superior, o investimento assegura o acréscimo do movimento comercial, com o incremento económico associado.