Publicidade   
   Publicidade   

A PSP deteve nesta quarta-feira, 20 de Janeiro, em Elvas, em flagrante delito, três homens e uma mulher, com idades compreendidas entre os 21 e os 55 anos, na sequência de denuncia de que uma residência estaria a ser alvo de arrombamento e intrusão.

   Pub 
   Pub 
   Pub 
   Pub 
   Pub 
   Pub 

Em comunicado a PSP refere que a denúncia telefónica para a Esquadra da PSP de Elvas dava conta de que “uma residência estaria a ser alvo de arrombamento e intrusão” e prontamente “vários meios policiais” se deslocaram para o local e puderam “interceptar no interior da mesma, em flagrante delito” os agora detidos.

Estes, são suspeitos de “pretenderem apropriar-se ilegitimamente do imóvel em questão e de vários artigos que se encontravam no seu interior”, diz a PSP, “só não o tendo conseguido devido à actuação responsável de um cidadão que comunicou a ocorrência oportunamente para a Esquadra e à rápida actuação da Polícia de Elvas.

Na sequência de diligências entretanto desencadeadas, foi-lhes apreendida uma fechadura nova, supostamente destinada a ser colocada na porta principal do imóvel, e ainda diversa correspondência do seu proprietário, alguma já violada.

Após contacto com a Autoridade Judiciária, os detidos foram restituídos à liberdade, onde irão aguardar os trâmites legais do processo.

No comunicado a PSP adianta que também deteve e conduziu a estabelecimento prisional, pela Divisão Policial de Elvas, “um homem sob o qual existia um mandado para cumprimento de pena de prisão efectiva de cinco anos, por condenação pela prática de crime de violação”.