Pub   
   Pub   

O Salão Nobre dos Paços do Concelho acolheu, na tarde de segunda-feira, 3 de Outubro, a assinatura da segunda via do protocolo de geminação, cooperação e amizade Elvas – Viseu.

O acto contou com a presença do presidente da Câmara Municipal de Viseu, Fernando Ruas, do presidente da Câmara Municipal de Elvas, José Rondão Almeida, e da presidente da Assembleia Municipal, Graça Luna Pais.

Da comitiva viseense fizeram ainda parte os vereadores executivos Mara Almeida, Pedro Ribeiro e Leonor Barata, assim como a madrinha da geminação, Eunice Figueiredo, natural de Viseu, e que reside em Elvas.

 Pub 
 Pub 

Após a exibição dos vídeos promocionais de ambas as cidades, foi assinado o protocolo, que marca assim o início desta parceria, que se irá estender a um conjunto diversificado de áreas.

O presidente da Câmara Municipal de Elvas aproveitou a ocasião para sublinhar as semelhanças entre os dois Municípios, desde logo o património castrense. “Duas cidades que partilham um passado militar comum, cidades amuralhadas, ligadas às tradições militares, com muito orgulho no seu legado e que tudo têm feito para o dignificar”, salientando que tal como o seu homólogo, “temos feito nas últimas décadas um enorme esforço na requalificação, conservação e manutenção do nosso património arquitectónico militar”.

Rondão Almeida, sublinhou também a existência da Feira de São Mateus, que atrai milhares de pessoas à nossa cidade, e que este ano, em Viseu, ultrapassou um milhão e 300 mil pessoas.

O autarca lançou ainda o desafio para a constituição de uma comissão de acompanhamento, para que esta “geminação não fique parada e possamos acompanhar o trabalho que vai sendo feito”. Concluindo que “queremos apostar em fortalecer as transacções comerciais, promover intercâmbios, sociais, escolares, culturais, desportivos e outros, que nos permitam entrelaçar as nossas culturas e reforçar as relações com os autarcas”.

Fernando Ruas voltou a salientar a importância “de alimentar esta geminação, para que dê frutos e possamos partilhar experiências, conhecimento e as comunidades, que é para quem trabalhamos, possam ver projectos a decorrer”.

Este referiu ainda que “esta parceria abrange laços de amizade e cooperação no domínio do intercâmbio cultura, social, educativo, económico, informativo e turístico com vista ao desenvolvimento entre ambos os municípios e entendimento entre ambas as comunidades”.
A comitiva, na sua estadia por Elvas, visitou o Museu de Arqueologia e Etnografia de Elvas António Tomás Pires, o Museu Militar de Elvas e realizou uma visita no comboio turístico.