Elvas | MACE celebra 15 anos com exposições de 25 entidades culturais

MACE - Museu de Arte Contemporânea de Elvas
   Pub   
   Pub   

O Museu de Arte Contemporânea de Elvas, casa da Colecção António Cachola, celebra 15 anos com exposições de 25 entidades culturais de todo o país, cada uma com espaço expositivo próprio, na cidade de Elvas.

15 Anos de MACE – Aqui Somos Rede conta com a Direcção Artística de Ana Cristina Cachola e inaugura no fim-de-semana de 15, 16 e 17 de Julho, estando marcada para sábado 16 a cerimónia oficial de abertura, com presença do Primeiro-Ministro António Costa e do Ministro da Cultura Pedro Adão e Silva.

Serão várias centenas de artistas a participar nas 25 exposições que poderão ser visitadas entre 15 de Julho e 15 de Agosto, num evento que une a arte contemporânea, o património e o pensamento sobre políticas culturais. Elvas acolhe, assim, um projecto inédito que junta, por primeira vez, na mesma cidade tantos agentes do sistema da arte português e integra ainda o MEIAC, vindo de Espanha. 15 Anos de MACE – Aqui Somos Rede celebra não só os 15 anos de um museu, e de uma cidade que o acolhe, mas de um ecossistema, distribuído pelo território, que, em conjunto, tem contribuído para que Portugal se inscreva no circuito da arte internacional.

 Pub 
 Pub 

O projecto procura promover uma descentralização a duas dimensões que, por um lado, traz de forma efectiva entidades promotoras de arte contemporânea, reconhecidas nacional e internacionalmente, para Elvas; por outro, a descentralização de um programa comemorativo que não terá como epicentro o MACE e a Colecção António Cachola, mas o circuito em rede formado pelas diversas propostas artísticas que compõem o programa.

De acordo com a directora artística, Ana Cristina Cachola: “A celebração dos 15 anos surge num contexto específico: passaram-se cerca de dois anos e meio de pandemia, e antes do seu fim, assiste-se a uma guerra que desagrega irremediavelmente a Europa, o mundo e as supra-estruturas democráticas.

Estes eventos afectaram de forma inesperada um sistema artístico que apenas agora começava a recuperar – recuperação essa, resultado de um agir colectivo e solidário. Neste momento, não se pode celebrar sozinho. Por isso, este ano, foram convidadas 25 entidades diferenciadas de todo o país, e também de Espanha (colecções, espaços de exibição alternativos, etc.) para apresentarem os seus projectos, na cidade de Elvas, e mostrarem a resiliência de um sistema da arte (co)operante. 15 ano de MACE – Aqui Somos Rede amplia-se para lá da comemoração de um museu e de uma colecção, assumindo-se enquanto momento colaborativo e demonstrativo da dinâmica das instituições de arte contemporânea nacionais e da cidade de Elvas como lugar de referência da programação cultural em Portugal.”

Desta forma, entre 15 de Julho e 15 de Agosto, poderão ser vistos em Elvas artistas como Fernanda Fragateiro, Robert Mapplethorpe, Mané Pacheco, Julião Sarmento, José Pedro Croft, Odete, Pedro Cabrita Reis, Carlos Bunga, Diana Policarpo, Rui Chafes, Luísa Cunha, Lawrence Weiner, Helena Almeida, Gisela Casimiro, Antoni Tàpies, Pedro Neves Marques, Igor Jesus, Alice dos Reis, Andreia Santana, João Pedro Vale & Nuno Alexandre, entre muitos outros, em curadorias de Sara Antónia Matos, João Pinharanda, Miguel von Hafe Pérez, David Silva Revés, João Silvério, Adelaide Ginga, entre outros. As exposições poderão ser vistas em espaços como a Cisterna da Cidade, o Castelo, o Paiol de Nossa Senhora da Conceição ou a Sociedade de Instrução e Recreio.