professores - Ano Lectivo 2019-20
   Publicidade   
   Publicidade   

Cerca de 170 docentes, do pré-escolar ao ensino superior, participaram na noite de hoje, quinta-feira, dia 12 de Setembro, no jantar de recepção ao professor, organizado pela Câmara Municipal de Elvas (CME).

   Pub 
   Pub 
   Pub 

Esta iniciativa que se repete de alguns anos a esta parte, realizou-se num restaurante da cidade de Elvas e pretende ser, segundo Nuno Mocinha, Presidente da CME uma forma de “dar as boas vindas desde logo, não só aos que repetem, mas também aqueles que veem de fora e se sintam em casa e acolhidos numa cidade que vale a pena viver”.

Nuno Mocinha considera esta recepção como “um momento de informar o que está a ser feito pela Autarquia, nomeadamente a construção da nova escola, o programa “mais sucesso” que esta a ser implementado e o lançamento do novo livro em e-book, em formato digital dirigido aos alunos mais novos”.

A CME aproveitou ainda esta noite de convívio, para entregar duas viaturas usadas, mas em boas condições, à Escola Superior Agrária de Elvas (ESAE) e à Associação Empresarial de Elvas (AEE), como forma de colaborar e confiar no trabalho destas instituições e que podem ser ainda úteis as mesmas instituições”.

Por sua vez Fátima Pinto, Directora do agrupamento de Escolas nº 3 de Elvas mostrou-se também “satisfeita por esta recepção aos professores e deixa o repto ao Presidente da CME de um dia fazer uma visita guiada a estes professores, ao nosso património mundial, porque para além deste jantar, eles deveriam conhecer não só o nosso Concelho, como também a nossa cidade”.

Por sua vez Cristina Dias, natural de Estremoz, vem leccionar pela primeira vez em Elvas a disciplina de Português, na Escola de Santa Luzia e considera este ano lectivo como “um regresso a casa e voltar a escola que lhe traz grandes recordações de infância”.

Ludmira Bandeiras, natural de Arraiolos, também foi colocada este ano em Elvas pela primeira vez e vai leccionar a disciplina de Inglês no agrupamento de escolas nº 2 e espera “apesar dos momentos de transformação e construção da escola, conseguir tirar as potencialidades dos alunos e chamar a sua atenção para a riqueza patrimonial desta cidade”.

O ano lectivo 201972020 começa oficialmente amanhã, sexta-feira, dia 13 de Setembro, com a tradicional praxe seguida da recepção aos alunos.