Elvas | Sede da Banda 14 de Janeiro inaugurada após requalificação

Inauguração da sede da Banda 14 de Janeiro
©CME
   Pub   
   Pub   

Neste Dia Mundial da Música, 1 de Outubro, o secretário de Estado da Administração Local e Ordenamento do Território, Carlos Miguel, inaugurou a obra de requalificação do edifício sede da Banda 14 de Janeiro, em Elvas.

Os trabalhos, iniciados no anterior mandato autárquico e recentemente concluídos, tiveram o custo total de 435 mil euros. Este montante foi financiado a 85% por fundos comunitários, através do Programa Operacional do Alentejo, e os restantes 15% oriundos do orçamento municipal.

No decurso da cerimónia realizada no exterior do edifício da Rua Sá da Bandeira o presidente da edilidade elvense, José Rondão Almeida, destacou o labor da Banda 14 de Janeiro como exemplo para o movimento associativo local.

 Pub 
 Pub 

O autarca anunciou ainda que o actual executivo municipal, depois de ter oferecido o novo mobiliário da sede, irá voltar a colaborar com a filarmónica local através da aquisição do novo fardamento.

Por sua vez o secretário de Estado da Administração Local e Ordenamento do Território considerou que a requalificação da sede da Banda 14 de Janeiro é mais um bom exemplo da recuperação do património local, com destaque para imóveis com importante carga histórica.

Ainda durante o ato deste Dia Mundial da Música foram homenageados vários nomes ligados à vida da Banda 14 de Janeiro nas últimas décadas.

O presidente da Comissão Administrativa da Banda, Vicente Grenho, para além de agradecer a todos quantos tornaram possível este regresso a “casa”, fez a entrega de diplomas de reconhecimento aos antigos maestros Manuel Martins Caldes e Vilar Pires.

Posteriormente, o presidente da Federação de Bandas Filarmónicas do Distrito de Portalegre, Miguel Batista, entregou emblemas de lapela aos músicos da Banda 14 de Janeiro com mais anos de actividade.

Francisco Vieira com 60 anos de dedicação à causa, Manuel Vinagre e Alexandre Ventura (40 anos), Albertino Santos (30) e Luís Santos (20 anos) foram os cinco elementos agraciados.

Antes da visita às renovadas instalações da Banda 14 de Janeiro foi descerrada uma placa que fica a perpetuar esta data em que a Banda 14 de Janeiro regressou oficialmente à sua casa das últimas décadas.