Publicidade   
   Publicidade   

Com o passar dos anos sinto que há projectos que poderiam ter existido noutro tempo, noutras circunstâncias, com outros protagonistas.

   Publicidade   
   Publicidade   

Mas como o tempo não me pertence nem é dono de mim, penso que as coisas acontecem no momento certo, no lugar exacto, com as pessoas que aparecem na minha vida e que comungam dos mesmos ideais que me dão força e ânimo de viver.

Esse encontro, tantas vezes providencial, porque jamais fora imaginado por mim, torna-se nascente de ideias que brotam com um ímpeto que nada as pode fazer parar.

“Canto a minha terra, a minha gente! Este povo que amo , a terra arada, o sol ardente!”, Graça Foles Amiguinho
“Canto a minha terra, a minha gente! Este povo que amo, a terra arada, o sol ardente!”, Graça Foles Amiguinho

A “Colectânea Elvas à Vista” foi um trabalho muito gratificante e no qual me foi dado aprender muita coisa, sobretudo, confirmar que tudo é possível quando «o homem ou a mulher sonha» e com alegria e determinação, lutando contra algumas contrariedades, o essencial se sobrepõe, se evidencia e é motivo de orgulho de todos.

Mas, como a fonte da sabedoria é inesgotável e nos proporciona as sensações mais puras para que as possamos canalizar por canais que, alargando-se, chegarão mais além, mal uma obra foi dada ao mundo, logo outra surgiu com maior dimensão, mais abrangente e pensando no tempo presente, como base de um futuro promissor.

Eurocidade-Literatura e Artes-Colectânea é um Projecto em marcha que nada o consegue travar.

Três cidades nele estão envolvidas: Elvas, Badajoz e Campo Maior!

Passaram apenas três semanas e a Colectânea conta já com a participação espontânea e entusiasta de escritores com provas dadas na prosa, poesia, jornalismo, história, artes gráficas e fotografia.

Poderá parecer exagero, mas é a verdade! Se a “Colectânea Elvas à Vista” reuniu 41 autores, a Colectânea Eurocidade reunirá o dobro dos participantes.

Tem sido extraordinário o interesse demonstrado por muitos dos autores do trabalho anterior, em continuar neste, também, assim como, a vontade expressa de novos autores de prestigiado gabarito em qualquer uma das áreas que já mencionei, em participar.

Esta obra, porque a todos diz respeito, contará com os apoios que merece ter, da parte dos Municípios envolvidos, pois todos dela se orgulharão pela qualidade literária e artística que evidenciará.

Acima de tudo, o espírito de comunidade e os elos que unem os três concelhos ficarão mais fortes, pois haverá da parte de cada autor o desejo firme de dar a conhecer o que de melhor tem na sua terra, o que vale a pena ser explorado e dinamizado e verificar-se-á que muitos são os factores que nos unem, apesar da diferença linguística, facilmente ultrapassável, pois a nossa história tem idênticas raízes ancestrais.

As portas estão abertas a todos os jovens, porque a eles pertence o futuro que se está construindo, que queiram entrar neste projecto literário e artístico.

Serão recebidos de braços abertos e poderão contar com o carinho de todos os autores que se entregaram de alma e coração, para fazer desta obra, mais uma referência cultural na nossa região.
Contacto: graca.amiguinho@gmail.com ou nas páginas do facebook.