Festival Vapor | O Steampunk está de volta ao Entroncamento

Museu Nacional Ferroviário recebe a terceira edição do Festival Vapor- A Steampunk Circus
16,17 E 18 DE SETEMBRO

Festival Vapor
   Pub   
   Pub   

As engrenagens do Festival Vapor voltam a funcionar após dois anos de paragem forçada devido à pandemia.

Vão ser três dias cheios de animação para todas as idades, com música, literatura, jogos de tabuleiro, exposições, workshops, duelos, street food e muito mais.

O espaço do Museu Nacional Ferroviário é perfeito para o Festival Vapor, rodeado de maquinaria a vapor e estilo retro, que se mistura com a envolvência das performances artísticas e concertos, num cenário industrial único no país, onde se mostra uma das melhores colecções europeias de património ferroviário.

 Pub 
 Pub 

É um ambiente descontraído e familiar, … mas também industrial e steampunk.

Grandes máquinas, muitas da época da tecnologia a vapor, e edifícios industriais totalmente preservados acolhem um programa diversificado de música, jogos, conversas, oficinas exposições e desfiles, sempre inspirado no estilo retro em que a tecnologia moderna avança a partir da maquinaria a vapor.

Nesta terceira edição do Festival Vapor iremos devolver ao nosso público momentos épicos e memoráveis de celebração, mais intensos e felizes que nunca! Em 2019 foram mais de 7.800 festivaleiros, este ano queremos ser muitos mais!

Os três dias do Festival garantem animação para todas as pessoas, entre concertos, performances artísticas, Crafts Fair Steampunk, um Carrocel Vitoriano, passeios de míni comboio, exposições, jogos de tabuleiro, duelos, modelismo ferroviário e street food, sempre na companhia da Liga Steampunk de Lisboa.

No dia 16 de Setembro abrimos portas às 19h00 e contamos com a animação e boa disposição dos Kumpania Algazarra e o primeiro concerto com os The Black Mamba.

No dia 17 de Setembro, há animação pela manhã, com Kumpania Algazarra e a Liga Steampunk de Lisboa pelas ruas da cidade do Entroncamento.

Durante a tarde, a partir das 12h00 temos oficinas e conversas sobre gaming e o comboio na estética steampunk, duelos de chá, uma exposição de motas e muito mais, sempre com animação e folia com os Kumpania Algazarra. A noite termina em grande, com os concertos do Gajo (trio) e dos disruptivos Custom Circus, que este ano apresentam um novo espectáculo totalmente modelado para o Festival Vapor.

O último dia de Festival, 18 de Setembro, conta com uma conversa sobre Literatura Steampunk e o lançamento do Almanaque Steampunk da Editorial Divergência, workshops, duelos, uma Parada Steampunk e muitas surpresas.

O Festival encerra com um concerto do Club Makumba, um dos mais recentes projectos musicais da cena cultural actual que teve origem na parceria criada entre Tó Trips (Dead Combo, Lulu Blind) e João Doce (Wraygunn).

E porque o Festival Vapor (o Museu Nacional Ferroviário) é para Todas as Pessoas, as actividades terão tradução para Língua Gestual Portuguesa e estamos preparados para receber festivaleiros com necessidades especificas, incluindo as crianças.

Programação completa em: https://festivalvapor.entroncamento.pt/
Aquisição de Ingressos online https://bit.ly/3QNRUIw ou no Museu Nacional Ferroviário

SOBRE O STEAMPUNK
O Steampunk é um subgénero da ficção científica que se tornou conhecido no final dos anos 80 e início dos anos 90 do século passado. Trata-se de uma corrente estética que assenta no passado, no qual os paradigmas tecnológicos modernos ocorreram mais cedo do que na História real (ou num universo com características similares), mas foram obtidos por meio da ciência já disponível naquela época – como, por exemplo, computadores de madeira e aviões movidos a vapor. No essencial, o steampunk associa características do Movimento Punk ao desenvolvimento proporcionado pela descoberta do Vapor, num ambiente do séc. XIX, na Inglaterra Vitoriana. A estética steampunk inclui máquinas e aparelhos do mundo real criados antes do seu tempo e/ou máquinas e instrumentos imaginários baseados em teorias e ideias futuristas. Actualmente, a estética steampunk tem vindo a evoluir muito para além do seu conceito literário original e passou a incluir diversas expressões artísticas, incluindo a Moda, que combina estilos do século XIX com tendências actuais e elementos do universo do Fantástico.