Governo proíbe corte de água, luz, gás e telecomunicações até Março

Distribuição de electricidade em baixa tensão
   Publicidade   
   Publicidade   

O Governo, tendo em vista continuar a garantir o apoio das famílias afectadas pela pandemia, decidiu manter a proibição de suspensão do fornecimento de serviços de comunicações electrónicas pelo operador até 31 de Março de 2022.

Os consumidores que se encontrem em situação de desemprego ou que tenham sofrido uma quebra de rendimentos do agregado familiar igual ou superior a 20% face aos rendimentos do mês anterior, podem, igualmente até 31 de Março de 2022, pedir o cancelamento dos seus contratos de comunicações electrónicas, sem que haja lugar a compensação ao operador, ainda que esteja a decorrer o período de fidelização.

 Pub 
 Pub 
 Pub 

Os consumidores podem, em alternativa, pedir a suspensão temporária dos seus contratos de comunicações electrónicas, sem penalizações ou cláusulas adicionais. Os contratos suspensos serão retomados a 1 de Abril de 2022 ou em data a acordar entre o operador e o cliente.

Caso existam valores em dívida relativos a estes serviços, o operador e o cliente devem definir, por acordo e em tempo razoável, um plano de pagamento adequado aos rendimentos actuais do consumidor.

Esta medida foi adoptada no contexto da actual pandemia de COVID-19 e produz efeitos desde 1 de Julho de 2021.