Herdade da Contenda, Moura
   Publicidade   
   Publicidade   

A Herdade da Contenda, propriedade do Município de Moura desde 1893, com uma área de 5.267ha esteve sob gestão da Autoridade Florestal Nacional (AFN) desde 1958.

   Pub 
   Pub 
   Pub 
   Pub 
   Pub 

Em 2010 foi criada pela Câmara de Moura a Empresa Municipal “Herdade da Contenda, EM” (HC,e.m) com o objectivo de vir a assegurar a gestão da propriedade. Após uma fase de transição, de gestão conjunta AFN-CMM, a Câmara Municipal de Moura passou em 2012 a assegurar em pleno a gestão, através da HC, EM

A Contenda constitui um património valioso, pela biodiversidade que a caracteriza e também pelo seu passado histórico. O uso da propriedade é multifuncional e a gestão obedece a uma visão integrada das várias actividades que aqui se desenvolvem: agro-pecuária, exploração cinegética, exploração florestal, apicultura, promoção de qualidade ambiental e turismo.

Em Assembleia Geral da HC, em., realizada no passado dia 23 de Junho, foram aprovados diversos documentos relativos à actividade da Empresa no decurso de 2019, nomeadamente o Relatório de Gestão.

Salientam-se alguns indicadores, de natureza financeira.

As contas do exercício fecharam com lucro de 56.999,10€ (resultado antes de impostos), sem que a Empresa tenha recebido qualquer subsídio da Câmara Municipal de Moura, ao abrigo de Contrato Programa. Este resultado, confirma o já verificado em 2018, também com lucro (18.493,68€) e sem recurso a subsídio da Câmara Municipal.

No quadriénio anterior (2014-17) o lucro bruto teve o valor médio de 11.550,50€ e a Empresa recebeu subsídios da Câmara Municipal de Moura, ao abrigo de Contrato-Programa, no valor total de 307.500€, com média anual de 76.875€.