Mulheres de Hoje, da Minha Aldeia

Opinião - Graça Amiguinho
   Publicidade   
   Publicidade   

É com um certo orgulho que hoje vos quero falar das Mulheres de hoje, da minha Aldeia.

Se outrora, eram apenas donas de casa, mães de família, trabalhadoras do campo, criadas de servir nas casas senhoriais, ou costureiras, felizmente, os tempos muito mudaram. No meu tempo, no século passado, ir para além da quarta classe, era destino de muito poucas raparigas e rapazes.

Hoje, é com grande satisfação que temos, na nossa terra, Mulheres com formação em várias áreas e com as suas capacidades reconhecidas e postas ao serviço da comunidade.

 Pub 
 Pub 

Há uma tomada de consciência tão grande, que as Mulheres da minha Aldeia começaram a intervir no plano político e a desejarem tomar nas suas mãos, o destino da nossa terra, mesmo com sacrifício das suas próprias carreiras profissionais.

No passado dia 16 de outubro, o salão nobre da Junta de Freguesia de Santa Eulália viveu um momento único, na nossa história.

Executivo da JF Santa Eulália
Executivo da JF Santa Eulália, Imagem António Matos

Uma Mulher, D. Ana Sofia Alves, assumiu o compromisso de guiar o destino da nossa Junta de Freguesia e nos oferecer o seu cunho pessoal, humanista e sensato, rodeada por pessoas da sua confiança, estando entre elas, duas Mulheres que são ainda da minha família, pelo meu lado paterno, a D. Helena Mourato, como Presidente da Assembleia de Freguesia e a D. Maria João Picado, como 2ª secretária da Assembleia.

Procurei conhecer um pouco da personalidade da Sra D. Ana Sofia Alves e fiquei muito satisfeita com as referências que recolhi.

Sendo natural de Santa Eulália, neta de uma família que sempre foi considerada na terra, cedo ficou órfã de pai, mas a seu lado ficou uma grande Mulher, a sua Mãe, D. Conceição, que com muito amor guiou o caminho das duas filhas, dando-lhes todo o seu tempo e colaboração.

A senhora Presidente da Junta de Freguesia é considerada, pela nossa gente, como uma “guerreira”, Mulher inteligente, trabalhadora e com grande espírito empreendedor.

Nada a faz recuar, quando tem uma ideia que sente valer a pena defender. Coragem e determinação não lhe faltam.

Tem o dom de saber ouvir, saber interpretar o que lhe é transmitido, sentindo sempre o desejo de poder ser útil.

Sabe gerir o seu tempo, porque é metódica, muito organizada.

O seu exemplo, a nível profissional, é digno de registo. Não é apenas a senhora enfermeira no Hospital de Elvas. É muito mais! Dá assistência em Lares e o INEM conta também, com a sua colaboração.

Há um ano, sonhou criar um ATL para as crianças de Santa Eulália, numa residência doada pela família do sr Dr Manuel Pinheiro, que todos desejam ver a funcionar, pois o projeto pedagógico é de uma dimensão invejável.

Resta-me manifestar os desejos de que estes próximos quatro anos sejam de muitas realizações e progresso para a nossa amada Santa Eulália, confiando, plenamente na intuição, serenidade e determinação da senhora Presidente e de todo o executivo.