Portalegre JazzFest regressa em Julho após dois anos de interregno devido à pandemia

17º Portalegre Jazfest
   Pub   
   Pub   
   Pub   

A 17ª edição do Festival Internacional de Jazz de Portalegre (JazzFest) vai decorrer entre os dias 7 e 9 de Julho, após dois anos de interregno devido à pandemia de covid-19, divulgou hoje a organização.

Promovido pelo Centro de Artes e do Espectáculo de Portalegre (CAEP), o festival, que vai decorrer naquele espaço, conta com músicos portugueses, noruegueses e também dos Estados Unidos, no contexto dum projecto musical português.

A cantora Maria João, o guitarrista André B. Silva, Luis Vicente Trio, o quarteto norueguês Córtex, o contrabaixista Hugo Carvalhais e o projeto Bill Shakespeare’s Romeu and Joaoliet, que tem por base o saxofonista Bill Mchenry, o contrabaixista Romeu Tristão e o baterista João Pereira, fazem parte do programa.

 Pub 
 Pub 
 Pub 
 Pub 

“O festival foi montado com um ‘timing’ um pouco apertado, e não conseguimos de todo trazer quem pretendíamos trazer, nomeadamente artistas norte-americanos. E estar a trazer por trazer, optámos por não trazer ninguém”, começou por lamentar à agência Lusa o director do CAEP, Joaquim Ribeiro.

No entanto, o responsável sublinha que a edição deste ano do Portalegre JazzFest aposta numa vertente nacional “muito forte”, com “diferentes estilos” de jazz.

“Eu penso que esta edição prova o quão saudável está o panorama do jazz em Portugal: temos cinco projectos de excelência portugueses no festival”, disse.

Para o director do CAEP, o Portalegre JazzFest é um “emblema” da cidade e um dos eventos mais significativos que desenvolvem anualmente.

O festival abre no dia 7 de Julho pelas 18:30 com um concerto de Luis Vicente Trio, seguindo-se, pelas 21:30, um concerto com o quarteto norueguês Córtex.

No dia seguinte, também pelas 21:30, sobe ao palco o projecto de Hugo Carvalhais “Ascética”, fechando a noite, pelas 23:00, com um concerto com Bill Shakespeare’s Romeu and Joaoliet, que reúne músicos portugueses e americanos.

O último dia é a vez dos festivaleiros assistirem ao concerto de Maria João, pelas 21:30, fechando esta edição do festival com André B. Silva, pelas 23:00.

Os preços dos bilhetes para assistir aos concertos variam entre os três e os sete euros, podendo os interessados adquirir passes para os três dias no valor de 20 euros.