Publicidade   
   Publicidade   

Opinião de Graça AmiguinhoAqui volto de novo para vos falar de uma obra preparada durante este tempo de pandemia e da qual fazem parte escritores e artistas de Portugal e Espanha.

   Pub 
   Pub 
   Pub 
   Pub 
   Pub 

Apesar da enorme distância que nos separa da Galiza e das Astúrias, autores desta Colectânea Raia Luso Espanhola, provenientes dessas regiões espanholas, estarão reunidos com outros autores de Elvas e Badajoz, para celebrar este grandioso acontecimento Cultural, no próximo sábado, dia 12 de Setembro, em Santa Eulália, a linda e branca Aldeia que me viu nascer e crescer, às 16h00, no Pavilhão Multiusos, generosamente cedido pela Junta de Freguesia.

Esse evento começará em Elvas com a visita ao Forte de Nossa Senhora da Graça ou Forte de Lippe, tendo como guia o historiador, escritor e poeta da Estremadura Espanhola, grande amigo de Portugal, Moisés Cayetano Rosado, autor que escreveu o Prefácio da obra que será dada a conhecer aos nossos amigos.

Nesta tarde Cultural, que desejamos tornar inesquecível, contamos com a presença do senhor Vereador do Pelouro da Cultura, Dr. Sérgio Ventura, em representação do Município de Elvas.

Para animação, contamos com a colaboração da fadista, Berta Miranda, dos músicos Nuno Cirilo e Miguel Monteiro e ainda da bailarina espanhola Rosa Maria Reguera, interpretando poemas que musiquei, com arranjos de Nuno Cirilo e Berta Miranda, dos seguintes autores:

“Canto a minha terra, a minha gente! Este povo que amo , a terra arada, o sol ardente!”, Graça Foles Amiguinho
“Canto a minha terra, a minha gente! Este povo que amo, a terra arada, o sol ardente!”, Graça Foles Amiguinho

Clara Blásquez Jiménez,
José Eduardo Catalão
José Carlos Ulloa Garcia
Conceição Branco Melão
Catarina Velhinho
Graça Amiguinho

Haverá também declamação de poemas, por vários autores, portugueses e espanhóis:

Antonia Cerrato Martin-Romo de Badajoz, Estremadura
Enrique Gonzalez de Boal, Astúrias
António Rodrigues de Santa Eulália, Alentejo
Carlos Abeledo Maristany de Ferrol, Galiza
Lurdes Almeida de Campo Maior, Alentejo
Teresa Melo, S. João da Madeira, Beira Litoral
Adela Figueroa Panisse de Lugo, Galiza

Colectânea Raia Luso-Espanhola

Todo este trabalho está compilado em DVD que estará à disposição de quem nos visitar, a par da obra literária e artística.

No final do evento ainda teremos a intervenção de algumas autoras e seus familiares:

Idaulina Borrega e Aldemira Negrita cantando as Saias de Campo Maior
Os netos da autora Aldemira declamando dois dos seus poemas
Adela Figueroa Panisse cantando e declamando um poema seu.

Depois, voltaremos a ouvir Berta Miranda cantando mais três fados clássicos, sendo um bailado por Rosa Maria Reguera.

Terminaremos a tarde oferecendo a todos os presentes, um Porto de Honra acompanhado por um delicioso bolo feito pela nossa fadista Berta e uns doces regionais de Santa Eulália e de Montalvão.

Se desejar passar connosco esta tarde grandiosa e repleta de cultura luso espanhola, teremos o maior gosto de vos receber, respeitando todas as regras impostas pela DGS.